Fandom

Harry Potter Wiki

Aborto

2 045 pages em
Este wiki
Adicione uma página
Discussão0 Share

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

São pessoas que tem ao menos um pai bruxo, mas não desenvolvem poderes mágicos. São vistos com desprezo por sangue-puristas e até mesmo por alguns mestiços e "traidores do sangue".

Preconceito Editar

O Ministério da Magia não mantem registros de abortos, um sinal de desrespeito geral da sociedade bruxa para com eles. Eles podem, no entanto, verificar se uma pessoa é um Aborto usando os nomes de seus pais, como demonstrado em 1995 durante a audiência disciplinar de Harry Potter. A prática comum é enviá-los a escolas trouxas e incentivá-los a integrar-se com a comunidade trouxa - uma solução a princípio muito mais amável do que deixá-los viver no mundo mágico, onde serão sempre tratados como cidadãos de segunda classe. Alguns, no entanto, optam por permanecer no mundo mágico. 

Algumas famílias sangue-puristas repudiam quaisquer membros que sejam Abortos, removendo-os de suas árvores genealógicas, como fez a Família Black com seu descendente, Marius Black. O que causa estranheza é notar que até mesmo famílias tolerantes a trouxas nascidos-trouxas não têm qualquer consideração para com Abortos. Os Weasley, por exemplo, parecem ter vergonha de um familiar distante que, sendo um Aborto, trabalha no mundo trouxa como contador. Além disso, muitas famílias bruxas, sempre ansiosas para ver os primeiros sinais de habilidade mágica em seus descendentes, ficam frustradas e revoltadas com a perspectiva de que um membro possa ser um Aborto. Neville Longbottom foi tido como um Aborto por seus parentes até conseguir comprovar seu poder mágico. Da mesma forma, Mérope Gaunt foi chamado um Aborto por seu pai Servolo como uma forma de injúria devido a suas habilidades mágicas fracas, inibidas na verdade pelo medo que sentia do pai e do irmão

Apesar de tudo, o mundo bruxo tem pelo menos uma instituição que procura orientar e proteger pessoas nessa condição, a Sociedade de Apoio a Abortos.

Abortos sob regime de Lord Voldemort Editar

Não está claro como Lord Voldemort age em relação aos Abortos. Ele sempre assegurou, ao longo de sua vida, que pretendia expurgar bruxos e bruxas nascidos de trouxas por "roubarem" magia. No entanto, como Argus Filch foi autorizado a permanecer em Hogwarts, é provável que os Abortos não fossem julgados como traidores do sangue.

Diferenças entre aborto e trouxa Editar

Bruxos abortados têm diferenças em relação aos trouxas. Estes desconhem por completo a existência do mundo da magia e não podem ver criaturas mágicas. Já os Abortos podem ver e lidar com as mais diversas criaturas mágicas, como provado por Arabela Figg em relação aos Dementadores.

Abortos conhecidos Editar

Subespécie Editar

Existe uma variante extremamente rara dos Abortos, até mais incomuns que eles próprios. São os chamados "Abortos-com-magia", indivíduos que acabam revelando algum poder mágico, mas somente ao sofrerem grande estresse ou emoção forte.

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória