FANDOM


A Proibição de Criar Animais Experimentalmente foi promulgada em 1965 para regular o crescente número de criaturas mágicas. Estes incluem criaturas perigosas, tais como Acromântulas, Basiliscos, e um galinha cuspidora de fogo confiscadas pelo Beto. Foi escrito pelo Magizoologista Newt Scamander, e é imposta pelo Departamento para Regulamentação e Controle das Criaturas Mágicas. A punição para violações desta lei é proferida pela Suprema Corte dos Bruxos.

Por trás das cenas Editar

  • Apesar da proibição, tem havido casos em que novas criaturas foram criadas sem qualquer menção de punição. Dois desses casos seriam os explosivins criados por Rúbeo Hagrid, em 1994, e os mini-pufes criados por Fred e George Weasley como parte de sua linha de produtos Bruxa Maravilha. Dado que Fred e Jorge são donos de uma loja de brincadeiras, é possível que eles obtiveram permissão para reproduzir os mini-pufes.
  • Rita Skeeter escreveu em um artigo no Profeta Diário que a reprodução de explosivins é uma violação da lei. Embora possa ser possível que Hagrid tenha ganhado permissão para criá-los, como eles foram usados ​​no Torneio Tribruxo e Alvo Dumbledore permitiu que eles fossem usados nas aulas de Trato das Criaturas Mágicas.